Firmes, Constantes e sempre Abundantes

Firmes, Constantes e sempre Abundantes

Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor. 1 Coríntios 15:58

Olá, Paz e Graça!

Quero falar sobre os pilares fundamentais para uma vida cristã. Aceitar a Cristo tem seus desafios e constantemente estamos vulneráveis ao pensamento de desistência.

Paulo nos revela segredos importantes para continuar e não parar.

Ser firme, constante e sempre abundante é a chave para não desistir.

Ser firme é essencial para uma vida cristã de sucesso, as palavras “determinação”, “decisão”, “persistência” e “confiança” são sinônimos da palavra “firme”, logo, ter firmeza é estar:

- determinado(a) a continuar
- decido(a) á prosseguir
- persistente em acreditar 
- confiança naquele que começou a boa obra.

O versículo abaixo complementa muito bem e reforça o sentido de ser firme.

A bíblia diz: “Os que confiam no Senhor serão como o monte de Sião, que não se abala, mas permanece para sempre.” Salmos 125

Ser firme está ligado totalmente a confiança em Deus, desta forma, o pensamento de desistência nos faz entender que perdemos a confiança, e que não acreditamos mais.

Jesus disse a Pedro que ele seria como um fragmento de rocha, e que a igreja iria ser edificada através dele. A atitude de negar a Cristo leva Pedro a desacreditar de tudo que Jesus tinha dito. 

Quando Jesus encontra com os discípulos após uma noite inteira pescando, o mestre faz a seguinte pergunta para Pedro: “Tu me amas?”, após a terceira vez Pedro começa a chorar, porque ele sabia que o sentimento dele por Jesus tinha mudado, mas Jesus ainda acreditava em Pedro. 

Isso acontece porque o amor tudo crer conforme 1 Coríntios 13. Jesus ainda continua acreditando em você, seja firme! 

Outro pilar fundamental é ter constância. 

Isso significa que independente do que aconteça não desistir é fundamental. 

O que nos leva a querer desistir é acharmos que não podemos vencer o pecado, mas é necessário que você entenda que o entendimento de "buscar a santidade", pode passar uma ideia que ainda estamos debaixo do poder do pecado. 

O segredo é você ter consciência que você é um santo lutando contra o pecado, e não pecador lutando para ser santo.

O novo nascimento em Cristo nos santifica, proporcionando a nós sermos novas criaturas, eu e você temos a responsabilidade de manter a nossa nova identidade, lutando para não sermos corrompidos.

A constância é a persistência em manter a nova identidade, e diante desta realidade o pecado não tem poder sobre nossas vidas, por isso podemos declarar que não somos nós que vivemos, mas Cristo vive em nós.

Assuma sua identidade em Cristo, e desta forma mantenha hábitos que farão Cristo aparecer em você.

O último pilar é que precisamos ser abundantes. 

Abundância é excesso, é deixar derramar. 

Ser abundante é ter para repartir, é estar tão cheio que sou capaz de transbordar. 

Para ser abundante preciso primeiro ser firme e ter constância, colocando isso em prática eu fico mais cheio de Cristo, e quanto mais tenho de Cristo, mais tenho vontade de reparti-lo, de compartilha-lo, de dividir com outras pessoas a transformação que experimento com ele.

Por isso Jesus disse que a vida que ele dá é abundante, porque quando temos Jesus tudo na nossa vida transborda a ponto de se espalhar para quem está a nossa volta.

Se tenho um Jesus que ao aceita-lo ele me dá vida em abundância, então, terei vida de sobra para dar á outras pessoas.

Recomendo a leitura:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A obediência a Deus

Significado de Jeová Tsidkenu

Como entender os propósitos de Deus